41 3037-4444

41 3044-4448

41 3057-1737

41 3030-1737

41 99677-1059

41 99695-0222

Associação defende a exclusividade para a venda segura do imóvel usado

Com o aquecimento do setor de lançamentos imobiliários nos últimos anos, que conta com um pool de imobiliárias para a venda das unidades de um empreendimento, o conceito foi relativizado.
O Artigo 1º da Resolução 458/95 do Cofeci (Conselho Federal de Corretores de Imóveis) é tácito: “somente poderá anunciar publicamente o corretor de imóveis, pessoa física ou jurídica, que tiver, com exclusividade, contrato escrito de intermediação imobiliária”. Com o aquecimento do setor de lançamentos imobiliários nos últimos anos, que conta com um pool de imobiliárias para a venda das unidades de um empreendimento, o conceito foi relativizado. Entretanto, as associações e entidades do setor se unem para resgatar esse princípio, especialmente na venda de usados.

“Entendemos ser essencial, pela defesa da moralidade em nosso mercado. Organizamos nosso segmento em redes para mantê-lo mais sistematizado e produtivo para nossa categoria, pois, tal comportamento é mais interessante a todos os players, ou seja, comprador, vendedor e corretor de imóveis. Esta é uma cultura da maioria de outros mercados brasileiros, como São Paulo e Porto Alegre, que hoje tentam se organizar no sentido de trabalharem com exclusividade”, defende o direto de Bee Rede Imobiliária, Carlos Eduardo Pereira.

A segurança para o comprador é um dos principais benefícios para a venda do imóvel com exclusividade, segundo Pereira. “Isso assegura ao adquirente que a imobiliária fez a devida análise da documentação, garantindo a lisura do processo, já que a empresa responde civilmente pela intermediação sob sua responsabilidade. Ainda, o comprador tem a certeza que está negociando o imóvel com um profissional credenciado ao CRECI e o preço real do imóvel, visto que ele está anunciado somente por um único valor”, argumenta.

Para o proprietário, ela é a certeza de valorização do imóvel. “Essa atitude vai evitar os dissabores de levar um cliente para um imóvel que já foi vendido, além de fatos desagradáveis como um leilão de valores pelo pretenso comprador junto às diversas imobiliárias anunciantes. Ainda, oferece mais controle quanto à identificação e acompanhamento das pessoas que vão visitar o imóvel, especialmente se ele estiver ocupado”, relaciona o diretor da Bee.

Para o corretor de imóveis, a exclusividade permite mais assertividade ao trabalho realizado. “Ela gera mais empenho do corretor na venda do imóvel, pois, assegura-se ao profissional de que ao final do trabalho ele terá a sua renumeração. Isso também evita de se levar um cliente para um imóvel que já foi vendido”, cita Pereira.

O processo de intermediação imobiliária inclui diversos serviços, por isso, o vendedor paga uma taxa de comissão. No Paraná, ela é de 6% sobre o preço de venda do imóvel para a imobiliária ou corretor, índice tabelado pelo Conselho Regional de Corretores de Imóveis (Creci). O diretor da Bee Rede Imobiliária diz que os serviços incluem o investimento em divulgação do imóvel, verificação das certidões, avaliação do valor do imóvel e até mesmo a assessoria para a preparação do imóvel para venda e para a liberação do financiamento bancário.

Pereira ressalta que na Bee Rede Imobiliária, a exclusividade para a venda do imóvel é um requisito para ingressar na associação. “O estatuto, além de regular a gestão da associação e de seus membros, prevê a obrigatoriedade da divulgação dos imóveis no site com autorização exclusiva e documentação regular, sendo responsável por tal a empresa captadora. A imobiliária que apresentar o cliente deve contatar a empresa captadora que fará a apresentação do imóvel, iniciando possível negociação”, explica.

Num mercado mais retraído, acompanhando o ritmo da economia brasileira, Pereira alerta que alinhar o preço à capacidade financeira do comprador, especialmente no setor de imóveis usados, é fundamental. “Muitas vezes os proprietários acabam valorizando demais o imóvel, fazendo comparação com os novos, o que dificulta a venda do usado. Fazer a captação do imóvel dentro de valor de mercado é hoje a maior dificuldade do corretor de imóveis, por isso, é nossa tarefa orientar o proprietário nesse sentido”, relata.

 

Fonte: Maria emília Staczuk.

Comentários

Deixe seu comentário

Contate-nos

Rua Alberico Flores Bueno, 1180|Bairro Alto|Curitiba|Paraná

Vendas Locação Lançamentos Empresa
Trabalhe Conosco| Anuncie seu imóvel| Procuramos para você| Localização

Telefone

41 3037-4444

Das 09:00 às 18:00

Whatsapp

41 99677-1059

Das 09:00 às 20:00

Plantão

41 99695-0222

Das 09:00 às 20:00

sites para imobiliárias